Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


JOVENS RECEBEM DISPENSA DO SERVIÇO MILITAR EM ALFREDO WAGNER

Publicado em 23/07/2015 às 14:33 - Atualizado em 23/07/2015 às 14:39

            Na manhã de hoje (23), um total de oitenta e um jovens em idade de alistamento militar receberam o certificado de dispensa do serviço obrigatório. Em Alfredo Wagner os rapazes recebem a dispensa por residirem em um município que é predominantemente agrícola e não tributário. Durante a solenidade, os reservistas fizeram o juramento de compromisso à bandeira nacional. Os certificados de dispensa de incorporação (CDI) foram entregues por autoridades presentes.

            As autoridades presentes foram: o tenente Edson Luis Ronsani Zucheto, Delegado do Serviço Militar da 1ª Delegacia do Serviço Militar; o servidor público Pedro Jayme dos Santos, que representou o prefeito em exercício, Luiz Carlos Martins; a gerente de apoio operacional e técnica do Plano de Ações Articuladas (PAR) Silvia Maria Andersen (representando a secretária de educação e desporto, Valneide T. da Cunha Campos); a diretora da escola Silva Jardim, Maria Nazaré Mazzini, o secretário municipal de agricultura Paulo Cesar Rossi e o secretário da Junta Militar de Alfredo Wagner, Ivan Alberto da Silva.

            O tenente Ronsani falou aos alistados sobre seus deveres para com a nação brasileira. Em casos de necessidade, as Forças Armadas emitem uma convocação que deve ser imediatamente atendida.

            SAIBA:

            O alistamento militar é obrigatório para todo cidadão brasileiro, do sexo masculino e deve ser realizado nos primeiros seis meses (1º de janeiro a 30 de junho) do ano em que o brasileiro completar 18 (dezoito) anos de idade.

O brasileiro que não se alistar no prazo previsto estará em débito com o Serviço Militar na situação de “FORA DO PRAZO”. Isto poderá trazer-lhe consequências desagradáveis, pois ao não estar em dia com as suas obrigações militares, o cidadão não poderá:

  • Obter passaporte ou prorrogação de sua validade;
  • Ingressar como funcionário, empregado ou associado em - instituição, empresa ou associação oficial, oficializada ou subvencionada;
  • Assinar contrato com o Governo Federal, Estadual, dos Territórios ou Municípios;
  • Prestar exame ou matricular-se em qualquer estabelecimento de ensino;
  • Obter carteira profissional, registro de diploma de profissões liberais, matrícula ou inscrição para o exercício de qualquer função e licença de indústria e profissão;
  • Inscrever-se em concurso para provimento de cargo público;
  • Exercer, a qualquer título, sem distinção de categoria ou forma de pagamento, qualquer função pública ou cargo público, eletivos ou de nomeação;
  • Receber qualquer prêmio ou favor do Governo Federal, Estadual, dos Territórios ou Municípios.